Dia do Sexo | 6.9 ou o famoso 69

Dia do Sexo | 6.9 ou o famoso 69

Celebrado em 6 de setembro, o sexo traz inúmeros benefícios para a saúde tanto de homens quanto de mulheres. Além de melhorar a autoestima, fortalecer a intimidade entre o casal, ainda pode rejuvenescer, aliviar dores e o estresse, provocar o relaxamento e até proteger o coração. Reunimos alguns fatos que a ciência já conseguiu comprovar sobre o assunto.

Rejuvenesce

Exato! De acordo com um estudo realizado pelo hospital Royal Edinburgh, na Escócia, casais que fazem sexo três vezes por semana parecem 10 anos mais jovens do que aqueles que mantêm relações somente duas vezes a cada sete dias. Conforme o autor do estudo, David Weeks, este benefício estaria relacionado ao “sexo com amor”, afinal, o sexo casual poderia trazer ansiedade e insegurança, o que estaria associado à perda da juventude.

Alivia dores de cabeça

Acabaram-se as desculpas de alegar dor de cabeça para fugir do sexo. Isso porque um estudo mostrou que a relação sexual ajuda a aliviar dores, incluindo enxaquecas. Pesquisadores da Universidade de Münster, na Alemanha, observaram que fazer sexo aliviou a enxaqueca de 60% dos entrevistados que disseram manter relações mesmo com dor. A resposta estaria na liberação de hormônios capazes de aliviar a dor, como as endorfinas.

Veja Também: As Verdadeiras Responsabilidades de um BDSM

Queima calorias

Não é uma academia, mas ajuda a trabalhar diversos músculos e a queimar calorias. Quanto maior for o esforço, mais calorias perdidas. Dá para deixar até 400 calorias para trás em uma hora de sexo, pouco menos do que uma hora de corrida, que gasta, em média 500 calorias.

Protege o coração

Se funciona como exercício, logo, traz todos os benefícios de uma atividade física comum. Uma pesquisa realizada na Universidade de Tufts, nos Estados Unidos, mostrou que o sexo regular funciona como exercício cardiovascular, aumenta as chances de combater o câncer e diminui os sintomas da menopausa e da TPM.

Vida mais longa

Pessoas que fazem sexo pelo menos duas vezes por semana vivem mais do que aquelas que o fazem uma vez por mês. Esta é a conclusão de um estudo realizado pela Queen’s University, no Reino Unido. Os pesquisadores acompanharam, durante 10 anos, mil homens que entraram na terceira idade. Aqueles que fizeram sexo viveram duas vezes mais.

Fonte: ZH

Related Post

Deixe uma resposta